PASTORAL FÉ E POLÍTICA

Arquidiocese de São Paulo

ptarzh-CNenfrdehiitjarues

Temos 126 visitantes e Nenhum membro online

CF-2017: Despoluição do Tietê e Pinheiros

Aconteceu no dia 25 de março de 2017, sábado, o seminário "A Despoluição dos Rios Tietê e Pinheiros e das Represas Billings e Guarapiranga", no Centro Municipal de Educação Adamastor (Guarulhos/SP). O evento foi realizado pela CNBB Regional Sul 1 e pela Rede de Escolas de Cidadania de São Paulo (REC SP). Contou ainda com o apoio da Pastoral Fé e Política da Arquidiocese de São Paulo, da Prefeitura de Guarulhos e da Diocese de Guarulhos.

Este encontro foi presidido pelo professor Waldir Augusti (REC SP / Grupo IPDM) e fizeram parte da mesa Toninho Evangelista (representando a CNBB Sul 1), Dom Edmilson Amador Caetano (Bispo de Guarulhos), padre Antônio Frizzo (Padre referencial da CF da RG Sul 1), Daniele da Secretaria do Meio Ambiente de Guarulhos (representando o Sr. Gustavo Costa, prefeito) e Padre Antônio "Ticão" Marchioni (REC SP / ECZL). A abertura do envento aconteceu às 9:00 horas, com a apresentação da mesa e, em seguida, a palestra da biologa e mestre em engenharia de materiais Professora Natália Baron, que resaltou a importância dos rios no desenvolvimento e manutenção das criaturas e plantas a sua volta, sua formação e o "ciclo das águas".

A palestra seguinte contou com o Engenheiro Elio Lopes dos Santos, mestre em engenharia urbana, especialista em controle de poluição e ex Secretário do Meio Ambiente de Guarujá (SP), que nos alertou, principalmente, sobre os perigos do uso incorreto dos incineradores de lixo e sobre o problema dos resíduos sólidos que produzimos.

seminario-tiete-01Estiveram presentes também o Padre Paulo Bezerra (Diocese de São Miguel Paulista), o Padre Marcos V. Clementino (Diocese de Guarulhos), o Sr. João Carlos (representando o deputado estadual e Padre Afonso Lobato do PV) e o Sr. Paulo Teixeira (deputado federal, PT), entre outros importantes representantes do poder público e da igreja.

Uma equipe da Secretaria do Desenvolvimento e Assistência Social de Guarulhos orientou os presentes sobre o uso e preparação racional de alimentos, como o aproveitamento de cascas e outras partes dos alimentos que usualmente são descartados. Houve também a distribuição de semantes de Moringa pela equipe da Escola de Cidadania da Zona Leste (Diocese de São Miguel Paulista). Esta resistente planta pode atingir até 10 metros de altura e é uma das mais úteis e nutritivas que conhecemos: tudo nela pode ser aproveitado, das raizes às flores, das folhas aos frutos.

Um ponto importante desse encontro foi o lançamento de um "abaixo assinado" exigindo providências às autoridades competentes para um trabalho sério de controle ambiental e de recuperação das águas dentro da Grande São Paulo e regiões vizinhas. Assinaram este documento representantes de diversas pastorais, escolas de fé e política e indivíduos dos municípios de São Paulo, Guarulhos, Itaquaquecetuba, Mogi das Curzes, Suzano, Jundiaí e Barueri, entre outros.

O seminário foi encerrado após a exposição de diversos grupos sobre suas ações e propostas de atuação ambiental, onde podemos destacar a fala de Caci Amaral (Pastoral Fé e Política ASP) e do Professor Luiz Antônio (Pastoral da Educação ASP), com a leitura, por Mônica V. Lopes (REC SP) da nota da CNBB sobre a Reforma da Previdência.

Dois grupos fizeram a animação do encontro: "As Despejadas", uma banda feminina de MPB alternativa, e "Samauma", um coletivo artístico e vivencial de Mogi das Cruzes (SP).

 

seminario-tiete-02

 

seminario-tiete-03

 

Fonte: Rede de Escolas de Cidadania de São Paulo (REC SP)

Paulo J. Lopes

Paulo J. Lopes
Paulo J. Lopes é membro da Pastoral Fé e Política da Arquidiocese de São Paulo. Para falar com Paulo J. Lopes, utilize nosso formulário de contato.