PASTORAL FÉ E POLÍTICA

Arquidiocese de São Paulo

ptarzh-CNenfrdehiitjarues

Temos 48 visitantes e Nenhum membro online

Fim de um Ciclo

Daqui há algumas horas teremos terminado mais um ano e apesar de algumas pessoas refletirem que é só a passagem de um dia para outro, não podemos ignorar que fazemos parte da natureza e de que esta também trabalha em ciclos: temos as fases da lua, temos as estações do ano, a própria mulher tem seu ciclo menstrual; e podemos afirmar sim que é a passagem de um dia para outro (que não deixa de ser um ciclo de rotação da Terra), mas temos a finalização de um ciclo em que a Terra girou ao redor do Sol.

sao-paulo-03Enquanto ela completa sua volta, tem sempre que deixar alguma parte oposta a ele, sem contudo deixar de estar na sua presença. Nossas vidas poderiam ser comparadas a esse belíssimo movimento da Terra? Estamos na presença de Deus mesmo que muitas vezes viremos nossa face a Ele. Deus continua sendo a luz que ilumina nossas vidas, que indica os caminhos por onde devemos andar.

É Deus que permite, com seu calor, que exista vida em nossas vidas. É dEle que vem a energia que precisamos para completar cada volta, a cada dia. É de Deus que vem o brilho de nossas melhores ações, brilho para vermos o colorido perfeito e único da natureza e que nos inspira a sermos melhor. E mesmo quando temos que passar pela escuridão da noite, pela sombra da morte, temos a certeza de que Ele estará lá assim que nos voltarmos novamente para Ele.

Deus é tão perfeito que nos deu a natureza para poder conhecê-lO, independentemente de nossas crenças. E nos mandou Jesus, para que Ele nos falasse do amor do Pai.

O calor do sol, entretanto, nunca vai poder se comparar ao aconchego que recebem aqueles que procuram a Deus. E envolvidos nesse amor, saibamos produzir semelhantes frutos naqueles que estão presentes em nossas vidas.

Recentemente, o Pe. Julio Lancellotti publicou um pensamento seu em sua rede social, que diz assim: "O que precisamos é refletir sobre como todos os injustiçados desse mundo vão nos perdoar".

Assim como o Sol está presente na vida de tudo o que existe, independentemente de quão profunda esteja escondida ou submersa cada coisa, Deus ainda mais olha por seus filhos e filhas e deseja que para eles e para elas exista vida em abundância, sobretudo naqueles lugares onde a vida é mais violada.

E para isso, Ele precisa de nós. Com toda a sua onisciência, onipresença e onipotência, Deus precisa de nós para termos um mundo mais justo. Porque não haverá paz, onde não houver justiça.

Desejo que todos nós, possamos recomeçar este ciclo de nossas vidas com Fome e Sede de Justiça e assim a luz de Deus, o Sol de cada ser humano, vai brotar paz em nossos corações!

Um Feliz 2013 a todos e a todas!

 

Fonte: O artigo nos foi enviado diretamente pela autora, tendo sido primeiramente veiculado pela Rádio 9 de Julho (1.600 KHz, SP)

Marília Amaral

Marília Amaral
Marília Amaral é integrante da Pastoral Fé e Política da Arquidiocese de São Paulo e também apresenta comentários sobre Fé e Política na Rádio 9 de Julho (AM 1.600 KHz/SP). Para falar com Marília Amaral utilize nosso formulário de contato.