PASTORAL FÉ E POLÍTICA

Arquidiocese de São Paulo

ptarzh-CNenfrdehiitjarues

Temos 71 visitantes e Nenhum membro online

Escola de Fé e Política Waldemar Rossi

XVIII Semana de Fé e Política - JULGAR

A segunda noite da XVII Semana de Fé e Política - JULGAR, a partir dos 3Ts do Papa Francisco (teto, Terra e Trabalho)

 

A mística foi preparada pelas CEBs e pelo Conselho de Leigos.

Música: Vidas pela vida

 

Nenhuma família sem teto

Nenhuma família sem terra

Nenhum trabalhador sem direitos

 

Relatório da violência 2016 o ano mais violento

Mortes

Memória do mártires

 

Salmo

Video

Pai nosso dos mártires

 

Acolhida aos presentes da Região Belém e demais

 

Teto

 

Digamos juntos desde o coração

Nenhuma família sem casa

 

Edilson Mineiro Movimento Sem Terra Leste 1

Papa Francisco – Bolívia

Tempo de excesso de diagnósticos

Tantas pessoas sem alimento, sem terra, sem educação

Chamado para ler a realidade e sobretudo ter a capacidade de se indignar e atuar para modificar a injustiça.

Fazer a globalização da esperança

Não podemos nos isolar

 

Pauta comum – exclusão do capitalismo, onde não haja explorados e exploradores

Luta anti-capitalista

Tecer as redes de unidade dos trabalhadores

Participar das lutas transformadoras

Superar diferenças individuais

 

Lutas específicas

Sem terra na ZL

Começou com MDF há 40 anos

Surgiu da resistência

Leitura que a realidade tem que ser modificada

Região de São Paulo que mais teve especulação do mercado imobiliário

Semana passada desocupação da Carmosina

Jd Anália Franco – concentração na mão de alguns de forma abusiva

As pessoas que moram nas periferias estão sendo expulsas para outras periferias, até mesmo para outras regiões carentes de estrutura.

Luta pelo direito à cidade

Completamos 30 anos das primeiras experiências de mutirão autogestionado (Governo Luiza Erundiana)

Buscar que as questões se tornem políticas públicas

Hoje mais de 100 mil moradias por meio de mutirões

Aumentou dinheiro da habitação, mas foi destinado para as empresas aquele direito. Explorar a força de trabalho e gerou mais exclusão.

 

Lutar por moradia é lutar pelo direito básico de se desenvolver na cidade

Celebrar as conquistas

Novas lutas e novas bandeiras

MST Leste 1 30 anos de caminhada

Começou na Igreja Santa Marina – Carrão

Caráter territorial – comunidade

Contraponto da comunidade são os condomínios onde não se tem relação com o vizinho e na comunidade

Movimento prioriza os laços de solidariedade

Apoio total da Igreja e presença de D. Luciano

 

Histórico da luta

Ocupações na juta – Sapopemba – D. Décio

Movimento foi protagonista do 1º projeto de iniciativa popular de lei

1 milhão de assinaturas – recursos para habitação

Luta política se dá o tempo todo

Democracia direta – próprio povo interferindo no seu destino

 

Cenário de alinhamento político nacional

Município

Persegue população de rua

Corta programa de assistência social

Não tem nenhum incentivo a moradia popular

 

Estado

Ausente

 

Federal

Governo golpista

Tenta implantar um programa que não foi eleito

 

Terra

Nossa luta vai continuar

Nenhum camponês sem terra

Raimundo

 

Luta pela terra vem desde 1500 – origem do país

Laudato Si

1º  vida em todos os seus sentidos

Condições que a vida consegue se expressar

2º fraternidade da criação - Terra enquanto mãe

Ver - mudanças das condições que proporcionam a vida está acontecendo. Ex: extermínio de espécies, biodiversidade desrespeitada...pau brasil em extinção

Quanto mais se agride a biodiversidade se agravam as questões dos quilombolas, indígenas.

Quilombo preserva mais de 7mil hectares de mata atlântica

 

Mudança do clima é uma realidade – a falta de padrão de chuvas afeta a plantação

Terra – cada vez mais perdemos o solo para a agricultura

 

O veneno polui os lençóis freáticos, rios, lagoas e peixes

 

O principal motivo da guerra no Oriente Médio é o controle da água, não do petróleo.

Populações que vivem da terra estão cada vez mais sem condições de permanecer na terra

 

Julgar – forma violenta de lidar com a terra há 200 anos

Sociedade subordinada aos interesses desse modo de produção – sociedade capitalista

Modo de produção que se autorregula, sem a participação da sociedade

A propriedade da terra no Brasil foi pelas sesmarias e pela posse dos detentores do poder econômico – grilagem.

 

Agir – mudar a sociedade para que ela passe a deter os controles da produção

Bem viver

 

Trabalho

Nenhum trabalhador sem direitos

Nádia Gebara

Trabalhadores do comercio, serviço público, fábrica...

 

Mais barato plantar com agrotóxico do que de forma orgânica

Mais barato substituir uma pessoa por esforço repetitivo do que dar condições dignas para as pessoas trabalharem

 

No mundo a concentração de riqueza é grande e escandalosa

Capital internacional – grandes grupos (bancos, Nestlé fazia propagandas de que o leite materno é sujo).

 

Reforma Trabalhista

Só é possível por meio de um golpe

Em nenhum lugar do mundo reduzir direitos gera empregos

Espanha desemprego cresceu 5% com reformas de redução de direitos

Irlanda cresceu 10%

Noruega classe trabalhadora muito organizada

 

Congelou gastos com políticas sociais em 2016 PEC do Teto (Saúde, educação e assistência social)

 

Terceirização – aprovada em março

 

Reforma trabalhista

Contrato de trabalho intermitente

Demissão (80% do fundo / 20% de multa)

Jornada de até 12h

Rebaixamento da remuneração

Trabalhar em local insalubre com laudo

Restrição à fiscalização

Negociado acima do legislado

Limitação do acesso à justiça do trabalho

 

Avisos:

Terras indígenas – direitos ameaçados – CIMI

16/08 – julgamento no STF – demarcação de terra

Hoje é dia da pachia mama

Demarcação já

 

Acesse o material do dia clicando nos links seguintes:

Apresentação;

Leste 1 - Fé e Política;

Reforma Trabalhista;

Reforma Trabalhista - Quadro Comparado;